Buscar por notícias

Calendário de Notícias

Maio 2017
S T Q Q S S D
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4
 

Notícias do TJGO

Aberta exposição Artes Proféticas no hall do TJGO

Foi aberta, na tarde desta segunda-feira (6), a exposição Artes Proféticas, do artista plástico Nando Alencar (foto). A mostra pode ser conferida até o dia 24 de março no Espaço Cultural Goiandira do Couto, que fica no hall do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO). Participaram do evento o presidente da Comissão Cultural do TJGO, desembargador Itaney Francisco Campos,  o desembargador Ney Teles de Paula, o artista plástico Omar Souto e servidores do TJGO.

Ao todo, 16 telas estão sendo expostas. Nelas, foram utilizadas técnicas com base em pintura a óleo. “Todos os quadros têm como intuito trazer ao público, de forma figurativa, passagens escritas e utilizadas pela palavra de Deus”, comentou o professor e missionário Alencar. Além do TJGO, parte das obras já foi exposta no Festival Internacional de Artes Rema, realizado em Goiânia, no ano passado.

Dentre os quadros expostos estão o Tabernáculo de Moisés, que manifesta a proteção e zelo de Deus para o seu povo; os Olhos Abertos, que representa a ressurreição de Cristo; A Colheita e A Provisão, entre outros. Nando Alencar ressaltou que o dinheiro arrecadado com a comercialização das telas será revestido às obras sociais. “No momento do devocional, eu escutei da parte de Deus que eu começasse a desenhar. Entrei na escola e, após concluir, tive como missão que todo o recurso obtido na comercialização das telas seria revertido para benefícios de pessoas carentes”, comentou o missionário.

Para o presidente da Comissão Cultural do TJGO, desembargador Itaney Francisco Campos,  a exposição é de suma importante, uma vez que aproxima a população do Judiciário. “O nível cultural do TJGO contribui para uma melhor solução dos conflitos. Esse movimento já existe há mais de 10 anos no Tribunal e, é uma exigência do presidente do TJGO, desembargador Gilberto Marques Filho”, afirmou Itaney.

Assim como o desembargador, o artista plástico Omar Souto considerou importante o espaço cultural para as artes plásticas. “O TJGO, de uma forma sensível, está de parabéns e, o artista e a população, por sua vez, acabam ganhando com essas culturas. Hoje, o fato do Judiciário ter uma galeria facilita, principalmente, a interação com a sociedade”, afirmou Souto.

“Das 57 telas confeccionadas, todas foram utilizadas para ajudar pessoas carentes, principalmente, moradores de rua e instituições que trabalham com dependentes químicos”, afirmou o artista. Fernando Fontes Venâncio é natural de Goiânia e, há quatro anos, utiliza a passagem bíblica em seus quadros. “Deus me deu essa habilidade para não só expressar a palavra de Deus, mas também utilizar esse recurso para abençoar outras pessoas”, completou Alencar. (Texto: Acaray M. Silva / Foto: Wagner Soares - Centro de Comunicação Social TJGO)  Veja galeria de fotos